Portugueses, nascidos nos territórios administrados por Portugal, que fazem parte da Toponímia Nacional.

Muitos foram os Portugueses que, embora tendo nascido fora de Portugal Continental e Ilhas, fazem parte da Toponímia, vamos, dentro do possível, torná-los mais conhecidos do público.

 

Alfredo da Costa, o “Patrono” da maior Maternidade do País.

 

alfredo-da-costaManuel Vicente ALFREDO DA COSTA, Médico, nasceu em Salsete (Índia Portuguesa), a 28-02-1859, e faleceu em Lisboa, a 02-04-1910. Era filho de Bernardo Francisco Henriques da Costa, natural de Goa, e de sua mulher, Luísa Melina Mazzoni, nascida em Lisboa, mas filha de pai italiano e mãe francesa.

O reconhecimento que obteve resultou, especialmente, dos seus estudos e iniciativas no domínio da obstetrícia. Faleceu a 02 de Abril de 1910, sem ter concretizado o seu grande sonho – a construção de uma Maternidade.

Com 9 anos, mudou-se com a família para Portugal, onde se formou-se em 1884 na Escola Médico-Cirúrgica de Lisboa e em 1887 na mesma passou a ensinar, após concursos em que apresentou o estudo Sobre a Natureza da Febre Puerperal.

Deve-se-lhe a publicação do primeiro Anuário da Escola (1891). Desde 1897 regeu a cadeira de Obstetrícia. Foi Presidente da Sociedade de Ciências Médicas de Lisboa. Operador de renome, assinalou-se sobretudo no sector da Assistência Materno-Infantil, de que foi em Portugal o pioneiro.

A Maternidade de Lisboa (o grande sonho da sua vida, apenas concretizado em 1932) ostenta o seu nome.

Publicou, além de artigos em revistas da especialidade: Frequência das Roturas Uterinas em Portugal, 1900, Indications et Technique de L´opération Cesarienne, 1906, e Quelues Renseignements sur la Maternité Provisoire de Lisbonne, 1906. Foi o 28º Presidente da Sociedade de Ciências Médicas de Lisboa.

O seu nome faz parte da Toponímia de: Moita (Freguesia de Alhos Vedros); Odivelas; Oeiras (Freguesia de Algés); Sintra (Vila de Sintra e Freguesias de Algueirão-Mem Martins e Massamá).

Fonte: “Quem É Quem, Portugueses Célebres”, (Círculo de Leitores, Coordenação de Leonel de Oliveira, Edição de 2008, Pág. 171).

 

Advertisements

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: