Mário Murteira, Professor e Investigador, se fosse vivo, faria hoje 84 anos de idade.

 

Mário MurteiraMÁRIO Luís da Silva MURTEIRA, Professor e Investigador, natural de Lisboa, nasceu a 19-04-1933 e faleceu a 15-03-2013. Professor emérito do Instituto Universitário de Lisboa, faleceu depois de doença prolongada, no Hospital da Luz, em Lisboa.

Licenciou-se em Económicas, em Lisboa, no então denominado Instituto Superior de Ciências Económicas de Financeiras (ISCEF, actual ISEG),a principal Escola de Economia do País, em 1956. Realizou estudos de pós-graduação em Paris e Roma em 1959 e 1960 e viária a Doutorar-se pela Universidade Técnica de Lisboa em 1970.

Foi Assistente do Centro de Estudos Sociais e Corporativos, dirigido por Sedas Nunes, em 1957/1958, e da Divisão de Estudos de Economia Industrial do Instituto Nacional de Investigação Industrial em 1959/1961.

Já depois do, fundou e dirigiu o Centro de Estudos de Economia e Sociedade, foi Director da revista Economia e Socialismo, e fundador e Director do CESO – Centro de Estudos Economia e Sociedade. Realizou várias missões de assistência técnica em África como consultor de organismos da ONU (UNCTAD e UNDP), Banco Mundiual e da Comunidade Económica Europeia.

No ISCTE desempenhou o lugar de Presidente do Conselho Científico e de responsável pela Escola de Gestão.

Mário Murteira dirigiu até final de 2011 a revista Economia Global e Gestão, publicada pelo INDEG, a Escola de Negócios ligada ao ISCTE, jubilou-se no ISCTE EM 2002 e passou a Professor Emérito da mesma Universidade em 2008. Três anos depois iniciou um período prolongado de doença. Era Professor do ISCTE desde a sua fundação em 1972.

Foi Professor visitante na Universidade Eduardo Mondlane em Maputo (Moçambique), e na Universidade de Macau. Os seus estudos mais recentes sobre o despertar da China são uma referência no estudo da transformação daquela grande economia.

No plano político, foi Ministro dos Assuntos Sociais no I Governo Provisório em 1974 e Ministro do Planeamento e Coordenação Económica nos IV e V Governos Provisórios em 1975. Foi nomeado, em Março de 1975, Vice-Governador do Banco de Portugal. Foi militante e dirigente da União de Esquerda Socialista Democrática (UEDS).

Em 2009 foi-lhe atribuído o Prémio Carreira pela Ordem dos Economistas. Em 2010 foi condecorado com a Primeira Classe da Medalha de Mérito pelo Presidente da República de Cabo Verde, Pedro Pires, pelo trabalho desenvolvido na formação de quadros superiores em Economia e Gestão.

Fonte: “Jornal Expresso”

Fonte: “Dicionário do 25 de Abril”; (Verde Fauna, Rubra Flor, de John Andrade, Editora Nova Arrancada, Sociedade Editora, S.A.. 1ª Edição, Setembro de 2002, Pág. 255 e 256).

Anúncios

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: